Logo
 
Bahia, domingo, 17 de janeiro de 2021
TWITTER CARLOS GEILSON
OUÇA JORNAL TRANSAMÉRICA
BAN UNITÉCNICA
Central de Polícia
 
 
PrintImprimir | Enviado por Carlos Geilson - 28.1.2017 | 11h36
 
Brasil

Innocence Project pretende reverter condenações de inocentes no Brasil

Acostumada a atuar na defesa de grandes empresários e em casos com grande repercussão midiática, a advogada Dora Cavalcanti trouxe para o Brasil uma iniciativa que mira o lado oposto dessa moeda, aqueles casos sem apelo popular e cujos condenados não possuem condições de exercer o direito de defesa. Criado nos Estados Unidos, o Innocence Project pretende avaliar casos de erro judiciário que resultaram em condenações injustas e, a partir da identificação de encarcerados inocentes, buscar a reversão de suas condenações. Nos EUA, onde a advogada passou uma temporada para entender o funcionamento da iniciativa, o projeto já libertou 347 pessoas condenadas injustamente – muitas deles no corredor da morte. Aqui no Brasil, o projeto foi fundado em 8 de dezembro de 2016 em parceria com o Instituto de Defesa do Direito de Defesa (IDDD). A meta é iniciar o trabalho por São Paulo com a escolha de cinco casos que servirão de teste para a formulação de um modelo próprio de atuação. “O desafio é produzir um diagnóstico do erro judiciário, compreender possíveis causas e os motivos de sua ocorrência. Diante dessas hipóteses concretas, o passo seguinte é entender o que é possível fazer em termos práticos para a vida daquela pessoa”, explica a criminalista responsável, entre outros processos, pela defesa de executivos da Odebrecht na Lava Jato. (Política Livre)

 
Separador
Página Inicial
Perfil
Adicionar a Favoritos
Busca
Links
 
Histórico
2021
Jan |
2020
Jan | Fev | Mar | Abr | Mai | Jun | Jul | Ago | Set | Out | Nov | Dez |