Logo
 
Bahia, segunda-feira, 15 de julho de 2019
TWITTER CARLOS GEILSON
OUÇA JORNAL TRANSAMÉRICA
BAN UNITÉCNICA
Central de Polícia
 
 
PrintImprimir | Enviado por Carlos Geilson - 25.4.2018 | 14h00
 
Salvador

Casal gay é executado dentro de banheiro em área de facção em Pirajá

Casal gay é executado dentro de banheiro em área de facção em Pirajá

O que pode acontecer de pior com uma mãe é perder um filho? No final da noite da última terça-feira (24), a dona de casa Francisca Alves da Silva, 45 anos, reviveu essa dor. Um dos seus filhos mais novos, o estudante Josenildo da Silva da Palma, 18, foi baleado com diversos tiros junto com o namorado, o cozinheiro Fábio de Jesus, 35, na Travessa Santos Dumont, no bairro de Campinas de Pirajá, em Salvador. ”Eu já tinha perdi um outro filho de tiro em Nazaré das Farinhas, há uns cinco anos. E, agora, esse foi também. Não sei o que dizer, porque mesmo que a justiça seja feita ele não vai voltar mais. Eu nunca mais vou ver. Meu filho nunca mais vai me dar a benção”, lamentou ela, enquanto aguardava a remoção do corpo de Josenildo. O crime ocorreu por volta das 23h, mas a Polícia Técnica só chegou ao local na manhã desta quarta (25), por volta das 7h. De acordo com o perito criminal, José Lázaro de Sá Barreto, no momento dos disparos as vítimas possivelmente estavam no quarto e correram para o banheiro da residência - onde foram encontrados mortos de cueca. “Os dois foram achados com lesões múltiplas no banheiro. Eles podem ter corrido pra lá pra se abrigar. Há ainda sinais de que houve briga e que quem entrou estava fazendo algum tipo de busca”, explicou o perito. Ainda segundo o Barreto, o portão da casa foi atingido com tiros. “Diversas munições foram utilizadas no crime. A casa também foi arrombada”, completou. Vizinhos e curiosos acompanharam as retiradas dos corpos, mas ninguém falou com a reportagem do CORREIO. Fábio e Josenildo haviam se mudado pra casa há pouco mais de três meses. Eles estavam juntos há quase dois anos, mas moravam em outra rua, de acordo com Frascisca, que também vive na rua onde ocorreu o crime.

Investigação

A assessoria de comunicação da Polícia Militar (PM)  informou que na manhã desta quarta (25), policiais da 9ª CIPM (Pirajá) receberam a informação do Centro Integrado de Comunicação (Cicom), informando que na Travessa Santos Dumont havia dois corpos do sexo masculino, ambos vítimas de disparos de arma de fogo, dentro de uma  residência. No local, os PMs após constatarem o fato, isolaram a área e solicitaram os agentes do Departamento de Polícia Técnica (DPT) para remoção dos corpos. O delegado Plinio Oliveira esteve na rua durante a retirada dos corpos. Segundo ele, nenhum homicídio acontece naquela área sem a permissão do líder da facção criminosa da área, o Bonde do Maluco (BDM). "Ainda é precipitado falar, mas aqui não acontece nenhum homicídio sem a permissão de George, que é o líder do BDM. Então, indiretamente eu atribuo o crime a eles [facção]", informou. O caso será investigado pela 4ª Delegacia (São Caetano). (Correio 24 Horas)

 
Separador
Página Inicial
Perfil
Adicionar a Favoritos
Busca
Links
 
Histórico
2019
Jan | Fev | Mar | Abr | Mai | Jun | Jul |
2018
Jan | Fev | Mar | Abr | Mai | Jun | Jul | Ago | Set | Out | Nov | Dez |