Logo
 
Bahia, terça-feira, 26 de março de 2019
TWITTER CARLOS GEILSON
OUÇA JORNAL TRANSAMÉRICA
BAN UNITÉCNICA
Central de Polícia
 
 
PrintImprimir | Enviado por Carlos Geilson - 9.1.2019 | 15h19
 
Bahia

Paciente acusa médium de prescrever medicamentos

Uma paciente, que não teve a identidade revelada, procurou a polícia de Barreiras  - Região Oeste Baiana- para denunciar por lesão corporal o médium Antônio Miguel Rodrigues, de 55 anos, investigado pelas mortes de três pessoas após cirurgias espirituais. Segundo o delegado José Romero, a vítima entregou uma receita médica, uma seringa, agulhas e medicamentos na delegacia da cidade.

"A vítima ouvida hoje [quarta-feira, 9], teve uma lesão corporal grave, teve uma infecção muito séria por causa desse tratamento espiritual. Ela nos relatou que houve o tratamento invasivo. Ele fez cortes, usou um bisturi, prescreveu essa medicação para ele, e tem uma coisa aqui, planta medicinal. Tem uma medicação injetável que só pode ser vendida com prescrição médica", relatou o delegado.
 
A vítima de lesão corporal revelou que, além da receita médica, Antônio Miguel Rodrigues também prescrevia uma alimentação pós-operatória, como continuação do tratamento.
"Após o tratamento ele passava esse medicamento para continuar o tratamento com essa medicação. Essa vítima de lesão corporal tem essa receita. A vítima que foi a óbito, uma senhora, tinha também receita dele. Tinha também uma prescrição de uma alimentação após a cirurgia. Eles tomavam uma sopa e depois era vendido um tempero para continuar fazendo essa sopa em casa, continuando o tratamento", explicou José Romero.
Antônio é investigado por duas mortes na Bahia e uma em Goiás. Ele se apresentou à polícia goiana no último sábado (5) para responder sobre os casos ocorridos no nordeste. Ele ainda prestará um novo depoimento sobre o terceiro caso.
 
Separador
Página Inicial
Perfil
Adicionar a Favoritos
Busca
Links
 
Histórico
2019
Jan | Fev | Mar |
2018
Jan | Fev | Mar | Abr | Mai | Jun | Jul | Ago | Set | Out | Nov | Dez |